slide

quinta-feira, 5 de novembro de 2015











Assassin's Creed é uma série de videojogos de ação-aventura de ficção histórica com elementos de acção furtiva e jogados num ambiente de mundo aberto. A série consiste actualmente em nove jogos principais, para além de outros jogos secundários. Os jogos já foram lançados para várias plataformas incluindo PlayStation 3PlayStation 4Xbox 360Xbox OneMicrosoft WindowsMac OS XNintendo DSPlayStation Portable,PlayStation VitaiOSHP webOS,[1] AndroidNokiaSymbianWindows Phone e Wii U. Os jogos principais foram na sua maior parte produzidos pelo estúdio Ubisoft Montreal com a colaboração do Ubisoft Annecy para o multijogador. Os portáteis já foram produzidos pela Gameloft e Gryptonite Studios com trabalho adicional do Ubisoft Montreal. Para além dos jogosAssassin's Creed já foi adaptada para os mais variados média como livros, banda desenhada, e filmes.
A premissa central dos jogos Assassin's Creed envolve-se a partir da rivalidade entre duas sociedades secretas ancestrais: os Assassinos e os Templários, e a sua relação indirecta com uma espécie que viveu antes dos humanos, cuja sociedade foi destruída por uma gigantesca tempestade solar. A ordem cronológica dos jogos começa em 2012, e fala de Desmond Miles, um jovem descendente de alguns Assassinos proeminentes. Com o Animus, uma máquina que permite ver as "memórias ancestrais", Desmond explora as memorias de vários Assassinos, incluindo Altaïr Ibn-La'Ahad, que viveu durante a Terceira CruzadaEzio Auditore da Firenze, um italiano que viveu durante os séc. XV e XVI no Renascimento; e Ratohnhaké:ton, um Assassino meio-Mohawk, meio-Britânico que viveu durante a Revolução Americana.
Retirando inspiração a partir do romance Alamut, do escritor eslovenoVladimir Bartol,[2] Assassin's Creed começou como um spin-off da sériePrince of Persia. O jogo original foi um esboço para Prince of Persia: The Two Thrones, antes da equipa decidir fazer uma nova propriedade intelectual, incluindo também um cenário no Médio Oriente, baseado no culto histórico de Assassinos Islâmicos activos durante as Cruzadas.
Postar um comentário